Seppir lança campanha #CarnavalSemRacismo


A iniciativa é de alcance nacional nos aeroportos e pontos do governo e cultura Brasileiros 

O Ministério dos Direitos Humanos através da Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial – SEPPIR lançou nesta segunda-feira, dia 05/02 a Campanha “Neste Carnaval Diga não ao Racismo”, em Salvador. O objetivo principal da campanha é a valorização da cultura negra, sensibilizando o público em geral quanto à importância do respeito à identidade negra com enfoque no racismo sofrido por mulheres e homens negros no carnaval.

Passageiros, foliões e turistas dos principais aeroportos e rodoviárias do país receberão material informativo de enfrentamento ao uso negativo e caricato da imagem do negro como blackface e “nega maluca”, onde as pessoas pintam o rosto com tinta preta e usam peruca black power imitando pejorativamente a textura natural do cabelo crespo como forma de “homenagem”.

EM SALVADOR, o lançamento da campanha em conjunto com a Secretária Municipal de Reparação Professora Ivete Sacramento foi realizado na sede do Ministério Público da Bahia e na inauguração da Casa do Carnaval da Bahia. A campanha contou também com o apoio do Ministério Público da Bahia, Conselho Municipal de Igualdade Racial, Prefeitura de Salvador, a Secretária de Promoção Social e Combate à Pobreza de Salvador (Semps) Tia Eron, Artistas e Ativistas dos Movimentos Negros do estado.

“O propósito da Campanha é ser usada como plataforma para combater esta modalidade de racismo enraizado na sociedade. Qualquer tipo de ação utilizada para ridicularizar o negro não deve ser praticada no Carnaval. O Blackface e a ‘nega maluca’ não são ferramentas de folia, mas sim de opressão e escárnio. Vamos juntos compartilhar nas redes sociais durante o carnaval a hashtag da campanha #CarnavalSemRacismo”,ressalta o Secretário Nacional Juvenal Araújo.

Em Salvador contamos com o apoio e distribuição do material na Fundação Cultural Palmares e no Observatório de Combate à Discriminação Racial.

Para denúncias: Disque 100 ou baixe aplicativo Proteja Brasil

Postado por Equipe Limite Zero Em: 08/Fev/2018 / Sem Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.